ARQUIVOS TIPO ATLAS

ANGIOMA VENOSO VULVAR

Venous Angioma Vulvae

ANGIOMA SENILIS VULVAE

Autor: Nelson Guimarães Proença

Inserida em: 01/02/2018


CASO 

Mulher de 56 anos consulta por ter notado a presença de pequeno nódulo na região vulvar. Não causa qualquer desconforto. Ao exame clínico é encontrada lesão angiomatosa, que foi retirada para exame anátomo-patológico.

O exame anátomo-patológico mostrou uma grande dilatação vascular, ocupando a derme papilar. A parede deste lago sanguíneo está internamente revestida por uma camada de células endoteliais típicas, e não há nenhum sinal de anaplasia. A luz esta parcialmente preenchida por um trombo. A epiderme suprajacente está acentuadamente adelgaçada, com retificação das cristas interpapilares.









Comentários

O “angioma venoso” é também denominado “lago sanguíneo”. A expressão constante da Nomina Dermatologica é “Angioma senilis”. Esta denominação eu considero imprópria, pois a lesão aparece em qualquer idade, sendo comum que se inicie por volta dos trinta anos.

A localização mais comum é o lábio, sobretudo o lábio inferior. Mas, menos comumente, pode ocorrer na região genital feminina, como aconteceu no caso que aqui apresentamos. É fácil estabelecer o diagnóstico pela clínica, pois a vitropressão expulsa o sangue e, em consequência, a lesão colaba. No caso que apresentamos isto não aconteceu, pois havia um trombo ocupando a luz e, por este motivo, não houve o colabamento da lesão. Pensou-se até, na clínica, que se tratasse de um nevo pigmentar em crescimento.


Palavras-chave: Angioma venoso vulvar, Venous vulval angioma, Angioma senilis vulvae